Natal sem Medo

O anjo, porém, lhes disse: não temais; eis que vos trago boa-nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor. Lucas 2.10,11

Esta semana foi de medo para muitos. Afinal, o mundo acabaria dia 21. Não acabou! Ledo engano, medo e sofrimentos desnecessários. Tudo por não se dar ouvidos a Palavra de Jesus, registrada na Bíblia de que “a respeito daquele dia ou hora ninguém sabe”. Mc 13.32.

Mas esse tempo traz outros medos e sentimentos estranhos, talvez, também desnecessários, mas reais. São aqueles medos da solidão pela ausência de alguém querido que não esta mais ao nosso lado; são aqueles sentimentos de culpa por relacionamentos rompidos; são aqueles vazios, que mesmo com muitos ao redor ou repletos de presentes, impedem o coração de se sentir preenchido de sentido e significado neste tempo de Natal.

Numa noite, há muito tempo, na noite do primeiro Natal, pastores nos campos também ficaram com medo e com seus corações atemorizados. Não era o fim do mundo. Mas parecia! De repente, anjos aparecerem nos céus para aqueles pastores. Mas, à medida que deram ouvidos aos anjos de Deus (eu disse: aos anjos de Deus, não aos Maias ou qualquer vidente), seus corações encontraram repouso e foram consolados. E mais, as palavras dos anjos encheram seus corações de alegria. E essas palavras servem para nós ainda hoje. E nos enchem o coração com a mesma alegria.

E a mensagem divina que os anjos trouxeram foi esta: não temais; eis que vos trago boa-nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor. Esta mensagem apazigua nossos medos e corações angustiados ou vazios. Não temais! Que consolador. Por que não temer? Porque nasceu Jesus, o Salvador. O teu e meu Salvador! Graças a Deus por isso.

Que essas palavras sejam mais doces do que os doces trocados na forma de presentes no Natal. Que elas consolem, motivem e animem a todos. O Salvador nasceu, cresceu e deu a sua vida por nós na cruz. Não há o que temer. Deus cumpriu as suas promessas de paz, perdão e nova vida. Vivamos com alegria a boa nova da Salvação. Deixemos os medos para aqueles que não conhecem esta boa notícia. Ou melhor, compartilhemos com eles a boa nova: Não temais, nasceu o Salvador. Essa tarefa não é mais dos anjos. É nossa.

Feliz Natal e Boa semana a todos.

Pr. José Daniel Steimetz

Share and Enjoy !

0Shares
0 0