Quem Somos

A Comunidade Evangélica Luterana “da Cruz”, no bairro Petrópolis de Porto Alegre/RS é uma congregação da IELB (Igreja Evangélica Luterana do Brasil) e visa propagar o Evangelho de Jesus Cristo por todos os meios possíveis e condignos de divulgação, celebrando cultos públicos a membros e visitantes, administrando os Sacramentos do Santo Batismo e da Santa Ceia ordenados pelo Senhor Jesus Cristo.

Nossa origem

Era o dia de Finados de 1933. O Pr. Johannes Kunstmann acabara de oficiar um culto no Cemitério Luterano, quando uma senhora pediu-lhe que realizasse cultos na casa de luteranos no bairro Petrópolis. Como o Rev. Kunstmann, acompanhado do professor Otto Mager, não encontrou o endereço indicado, solicitou a ajuda da Sra. Elfriede Klink e de outras pessoas já filiadas à Igreja Cristo, do 4º Distrito. Nunca foi possível localizar nem identificar a solicitante. Mas seu pedido foi atendido e, no dia 10 de dezembro de 1933, foi realizado o primeiro culto no Bairro Petrópolis, dando início à CEL da Cruz – Petrópolis, que completará no próximo ano 90 anos de divulgação do Evangelho. Começou então a realização de cultos mensais no Salão Zang à Avenida Montenegro, 242. Em seguida foi alugada uma casa na Avenida Bagé onde, em março de 1934, começou a funcionar uma filial do Colégio Concórdia, chamada Escola Concórdia. Da Avenida Bagé, a Capela e a Escola passaram a reunir-se na Avenida Protásio Alves, 765, onde ficaram até dezembro de 1936, quando se mudaram para a rua Caju, 105, onde foi construída a Capela de madeira que ficou famosa por ser cortada em quatro partes, em dezembro de 1952, e levada de caminhão ao local onde hoje é sua sede: Avenida João Obino (então Guaraci), 130. A Comunidade da Cruz, inicialmente, era uma filial da Comunidade Evangélica Luterana Cristo. Em 1950 tornou-se independente, sendo pastor o reverendo Martim Carlos Warth e recebendo o nome de Comunidade Evangélica Luterana da Cruz. No dia 19 de março de 1967, Domingo de Ramos, foi realizado o Culto Festivo de dedicação do templo no qual são realizados os cultos divino. Clique aqui e baixe um documento pdf mais completo.

No que cremos

  1. Deus se revela na Bíblia Sagrada. Confiamos nela como a Palavra de Deus. Ela é a mensagem do amor de Deus e da esperança para todos.
  2. Deus é um só. Ele existe em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo.
  3. Deus é o Criador de tudo quanto existe.
  4. Adão e Eva, os pais da humanidade, foram criados livres por Deus. Nesta liberdade viviam de acordo com a vontade de Deus.
  5. Adão e Eva desviaram-se da vontade de Deus e se opuseram a ela. Esta situação, a que todos estão sujeitos, é o que chamamos pecado.
  6. Pecado é, portanto, qualquer desvio da Lei ou vontade de Deus, como está expressa nos Dez Mandamentos. Jesus Cristo resumiu os Dez Mandamentos ao dizer: O cumprimento da Lei é o amor.
  7. É impossível ao ser humano cumprir esta Lei e assim estabelecer relação correta e perfeita com Deus e a sua vontade.
  8. Por essa razão, Deus enviou o seu Filho ao mundo. Jesus é verdadeiramente Deus e Pessoa Humana. E, como tal, cumpriu a vontade de Deus em nosso lugar e morreu na cruz para pagar o castigo que merecemos. Deus aceitou esse pagamento e ressuscitou Jesus dentre os mortos. Jesus retornou à glória do céu na presença dos seus discípulos.
  9. Por causa de Jesus, Deus nos declara perdoados. Este perdão é para todos e em nada depende dos esforços humanos em agradar a Deus.
  10. Aqueles que confiam nesta notícia do amor de Deus recebem de Deus os benefícios da obra de Jesus. Deus lhes atribui inocência e pureza em vista do trabalho de Jesus que foi realizado a favor de todos sem distinção de qualquer espécie.
  11. Esta confiança, ou fé, na obra de Jesus é um presente, um dom de Deus, concedido por ação do Espírito Santo. O Espírito Santo promove esta fé em todos sempre que alguém atua em nome e de acordo com esta vontade salvadora de Deus.
  12. Isso Deus decidiu e assim comunicou. Os meios pelos quais Deus comunica e aplica os benefícios da sua vontade salvadora são a sua Palavra, e os sacramentos do Santo Batismo e da Santa Ceia.
  13. Por causa do mal, Deus decidiu que o mundo que conhecemos terá um fim. Deus preparou um novo mundo, livre do mal. Quando o mundo terminar, todos os mortos serão chamados à vida e os que estiverem vivos serão transformados. Neste
    momento, acontecerá a grande separação: Os que, em vida, rejeitaram a fé em Jesus ficarão eternamente apartados de Deus. Os que confiaram, estarão eternamente com Deus.
  14. A Igreja cristã é o conjunto de todas as pessoas que, em todos os tempos e lugares, têm esta fé no Deus Triúno e em Jesus Cristo como único Salvador.
  15. Pela fé, Deus reúne essas pessoas para viverem e anunciarem os benefícios desta mesma fé. Esta reunião chamamos igreja ou comunidade cristã. Nessas comunidades de fé, as pessoas são mantidas na fé pela pregação e ensino fiel da mesma
    e pela administração fiel dos sacramentos.
  16. As pessoas que vivem os benefícios desta fé, motivados por este amor incondicional de Deus, se organizam para repartir com o próximo aquilo que receberam de Deus em benefícios materiais, sociais e espirituais. Sabendo-se amparados e abençoados por Deus, procuram crescer em demonstrações de amor especialmente aos desprotegidos e desamparado

O que fazemos

A grande tarefa do povo de Deus é propagar a palavra do perdão e da reconciliação de Deus com a humanidade, através de cultos públicos e encontros de estudos bíblicos para instruir as pessoas na Palavra de Deus. Os congregados, individualmente, se entendem como instrumentos dessa propagação e assumem a missão de agir a favor do desamparado, do carente e do marginalizado. Na congregação local, as pessoas se reúnem para ensino, comunhão e louvor. Além disso, diversos grupos de interesse estimulam o convívio fraterno e a mobilização em torno de projetos de apoio nas dificuldades sociais, emocionais, físicas e espirituais das pessoas. A Comunidade da Cruz, filiada à IELB, agrega forças com demais congregações e participa como parceira para melhor realizar as tarefas das quais foi incumbida por Deus.

Os pastores que já tivemos

Dr. Walter Gerhard Kustmann (1934-1936),
Professor Johannes Kunstmann,
Nestor Welzel, (pastor auxiliar de 1945-1947),
Leonido Krey (1948-1950; 1952-1954),
Dr. Martim Carlos Warth (1951),
Dr. Donaldo Schüler (1955-1961),
Gustavo Scholze (1962-19168);
Gerhard Grasel STM (1969-1991),
Galdino Schneider (1980-1982),
Christian Hoffmann (1990-1997);
Edgar Lemke (1991-);
Clóvis Gedrat (1998);
José Daniel Steimetz (1999-);
Jordan Wilson Gowert Madia (2022-).
Trabalharam ainda como pastores auxiliares e capelães do Colégio Vera Cruz e Pan American, entre tantos outros:
Augusto Heine;
Martim Strassen;
Solon Hoffmann;
Nestor Beck;
Mário Rehfeld;
Rui Gilberto Staats;
Peterson Machado;
André Wandscheer e
Otto Neitzel Neto

Os presidentes da CELC

Edwino Weber;
Adolfo Walter Christmann;
Walter Rudi Christmann (1967-1971);
Haroldo Schelp (1972-1975);
Carlito Fredrich;
Arthur Fitz;
Bernardo Klüsener;
Osíris França da Rosa (1979),
Arno Schelp (1980-1981);
Carlos Henrique Weber (1982-1990),
Oreno Ardêmio Heineck (1991-1994);
Hedelberto Baasch (1995-2004);
Luiz Carlos Gewehr (2004-2006);
Ricardo Marques da Silva (2006-2008);
Hedelberto Baasch (2008-2010);
Karen Josete da Silveira von Mühlen (2010-2012);
Hedelberto Baasch (2012-2014);
Luiz Carlos Gewehr (2014-2016);
Gustavo Becker da Silveira (2016-2022);
Jackson von Mühlen (2023-)