Semana Nacional do Meio Ambiente

Tente se imaginar viajando num ônibus leito, de dois andares, com ar condicionados, com poltronas largas, confortáveis, até com internet wireless. Durante essa viagem, começa a vir um cheiro não muito agradável lá do fundo. As poltronas começam a ficarem sujas, vai ficando mais apertado, lixo começa a se acumular no chão. À medida que passageiros vão descendo, mais passageiros vão entrando. Começa a esquentar muito, fica até ruim de respirar.  A sua parada está perto, mas os outros viajantes ainda tem um longo caminho pela frente.  É nessas horas que pensamos em nós mesmos e dizemos: os outros que se danem.

Podemos usar essa viagem e nos perguntar sobre a nossa atual situação como cristãos vivendo neste mundo: Se Cristo vai voltar e o mundo vai acabar, por que os cristãos precisam cuidar do meio ambiente mesmo assim?

Quando Deus criou o mundo perfeito e deu o Jardim do Éden para Adão cultivar e plantar, Ele sabia que tudo o que havia feito era muito bom e perfeito.  A queda em pecado deu outro rumo pras coisas. A partir da queda, o mundo vem se deteriorando, a criação vem gemendo e sentindo as consequências da queda, e o ser humano é o grande responsável por acelerar este processo ainda mais.

A própria revolução industrial é um exemplo disso, de como pisamos mais ainda no acelerador. Esquecemo-nos que do pó viemos ao pó voltaremos. Fumaça, poluição, lixo, radioatividade, efeito estufa, a lista é comprida. Será que nós somos como aquele passageiro esperando a nossa parada chegar pra pular fora do ônibus. Ou será que somos aquele outro passageiro que mesmo não sendo capaz de fazer muito serve de exemplo para os outros passageiros?

A Bíblia traz uma “verdade inconveniente*” para muitos – o mundo vai acabar. Existem passagens bíblicas que falam até de destruição pelo fogo lá no juízo final, mas esta é a última parada e ninguém sabe quanto ainda falta pra chegar nessa parada final – alguns tentam adivinhar.

O que nós sabemos é que até chegar essa parada, Deus está sendo muito generoso nos dando mais tempo para conhecê-lo e aprender sobre o seu amor por nós, que nos criou à sua imagem, que nos deu vida. E mesmo quando nós nos autodestruímos e destruímos a sua criação ele nos ama ao ponto de dar nova vida por meio do seu filho. Por conta própria, nós não temos como cuidar da sua criação, mas ele nos ajuda e nos capacita com sua paciência e amor.

Esse seu amor por nós nos transforma, nos constrange. Nós não temos mais como dizer “os outros se danem”, pelo contrário, nós agora, como cristãos, damos exemplo de ecologia: reduzindo, reutilizando, reciclando.

*An Inconvenient Truth(2006) – Documentário premiado com Oscar do Ex-Vice-Presidente dos EUA.

Otto Neitzel

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Deixe um comentário