Pastor Drone

Na atual modernidade, Jesus, o Bom Pastor, não manda drone, mas envia os seus discípulos buscarem as ovelhas do seu rebanho que estão espalhadas e longe da sua Palavra. Assim como Ludmila e sua filhinha de 3 anos ficaram com fome e sede durante três dias, tem muita ovelha por aí morrendo de fome e sede do Pão e Água da Vida.

Achados e Perdidos

E tão certo quanto Jesus ressuscitou dos mortos, não há dúvida de que o pastor tem a habilidade e a vontade de fazer essa missão de resgate funcionar. E com a mulher dentro de casa, há ainda mais certeza de que ela encontrará aquela moeda. Ela conhece cada rachadura nas tábuas do piso e cada fenda nas paredes. Essa casa é o domínio dela. Ela é dona disso, como Jesus é o Senhor do céu e da terra. Essa moeda, em seu domínio, tem zero chance de ficar perdida. Nesses personagens, Jesus nos mostra como é Deus. Ele encontra o perdido. É só uma questão de tempo.

A Ovelha Perdida (Lucas 15.1-10)

Certa ocasião, muitos cobradores de impostos e outras pessoas de má fama chegaram perto de Jesus para o ouvir. Os fariseus e os mestres da Lei criticavam Jesus, dizendo: – Este homem se mistura com gente de má fama e toma refeições com eles. Lendo esse versículo de Jesus, quem seria a ovelha perdida? Opção … Ler mais

Amor se constrói com presença

Sergio Sinay em A Sociedade dos Filhos Órfãos escreve: “Sempre houve pais que não assumem responsabilidades e sempre haverá. Mas nunca houve como hoje um fenômeno social tão amplo e profundo a ponto de criar uma geração de filhos órfãos de pais vivos. Pela primeira vez podemos dizer, infelizmente, que os filhos com pais presentes … Ler mais

Servo Inútil?

Esta devoção é um breve resumo da devoção que fizemos no retiro do coral no fim de semana passado na casa da família Kütter na praia. Cantamos o tempo todo e, pra fechar com chave de ouro, fizemos três perguntinhas: 1) Qual é o seu hino preferido? 2) Qual seria a trilha sonora da sua … Ler mais

Cordão Umbilical Elástico

Em Cristo nós somos igreja que acolhe, religa pelos sacramentos, vai ao encontro e permite a constante volta… Viva assim em sua família. Garanta a noção de pertencimento a todos os seus integrantes. Se você desejar ir, pense bem antes… É direito seu. Tendo ido, saiba que podes voltar. Não por mérito seu, mas por graça…pela graça de pertencer a uma grande família que vive suprida pela graça de estar unida ao Pai Celeste pelo cordão espiritual da fé.