Palavras para tempos de angústia

26 de outubro de 2018 by jose-daniel

“Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como a dá o mundo. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.” João 14.27

            Nestes dias conturbados em que vivemos pairam sentimentos de angústia e medo no ar. Pelas mais diversas causas em meio a um momento que teria tudo para ser alegre e festivo da democracia, o contrário tem prevalecido. Para este contexto, trago à memória estas palavras de Jesus.

            No tocante ao texto, essas palavras são ditas aos discípulos que viviam a angústia da notícia de que Jesus não mais estaria com eles fisicamente. Temerosos, foram consolados e orientados por Jesus. Eles viveriam algo ainda mais intenso, seu sacrifício na cruz, mas receberiam o Consolador, o Espírito Santo.

            Os nossos dias são angustiosos sim. Mas é preciso ver para além do medo e da incerteza. Precisamos olhar para o pós-Sexta-Feira Santa, para o pós-Domingo de Páscoa e para o pós-Pentecostes, tempo litúrgico que estamos vivendo agora.

            Dados os fatos já vivenciados pelos cristãos, então, podemos deixar o medo de lado, e lembramos estas palavras de Jesus. Guardando-as no nosso coração. A fim de nos consolarmos com o Espírito Santo em nossa vida. Para vivermos como cristãos usufruindo e promovendo gestos de paz. Como Cristo, que em meio as turbulências do seu tempo, deu a sua própria vida por nós, tornou-se por nós a paz que vai além de todo entendimento. Filipenses 4.4-7. A paz de Cristo não é dada como no mundo, não nos é dada pela força, imposição ou medo. Mas com a doação da própria vida, com seu servir, donde vem seu perdão, amor e paz.

Então…            O senhor vos abençoe e vos guarde; O Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre vós e tenha misericórdia de vós. O Senhor sobre vós levante o seu rosto e vos dê a sua Paz. Números 6.24-26.

Abençoada Semana.

Pr José Daniel Steimetz

Comments are closed.